quinta-feira, outubro 23, 2014

6 anos, digo, meses, pra mudar



Ontem tive uma consulta com minha antiga terapeuta. Resolvi voltar pq ela aceita meu convênio e aquele outro cara q eu tava indo era particular e ficou impossível de pagar.

De qq maneira, meu convênio só cobre 2 consultas no mês e ela disse q terapia tem ser, no mínimo, 1x na semana pra funcionar. Assim q ela vai ver se me dá uma medicação e fazemos umas consultas de acompanhamento, mas terapia não vai rolar pq não tenho como pagar agora. Somos duas dorgadas, eu e a mana... rsrsrsrsrs

Antes eu era totalmente contra medicação. Agora mudei de opinião. Acho q em certos momentos, pra certas pessoas, pode ser de grande ajuda.

A terapeuta riu qdo falei q ainda temos o blog. 6 meses q viraram 3 anos e em breve 6 anos, ela disse... mudar, mudamos. Mas coisas essenciais persistem. A procrastinação, o não tomar partido. Ela disse q estou nessa coisa de não saber o q fazer profissionalmente há mais de 2 anos (é vdd), pq eu não quero escolher, não quero tomar partido. Fico só contemplando as várias opções q eu tenho, e não escolho nenhuma, e aí não faço nada, e aí fico deprê, e aí mesmo q não faço nada, e tdo fica mto difícil.

Q eu e o Charles estamos numa zona de conforto, q evitamos qq coisa q vá nos fazer entrar em conflito, q acabamos não fazendo o q é melhor para os dois por medo de bater de frente. E q incentivamos mto a procrastinação um no outro. Como o projeto Canadá... ficamos tendo essas conversas sobre como vai ser nossa vida lá, mas não estamos fazendo nada para irmos pra lá realmente. A Bia, do Oui, Canada!, me mandou 2 e-mails super completos, dando o caminho das pedras de como ela e o marido fizeram pra emigrar, mas eu não fiz nada! Não tomei nenhuma providência. Tb não fui mais na terapeuta cognitivo-comportamental...

Dieta largada de lado. Sem nenhum projeto, nenhuma aspiração. Aí qdo penso em fazer algo, acho q é inútil, q não vale a pena, numa vibe do tipo: foda-se essa merda! Vamos tdos morrer mesmo. Aff, q chatice. Nem eu me aguento.

Algum dia aqui no blog eu disse q ia parar de tomar café. Mas continuo tomando. Eu diminuí a quantidade, durante a gravidez praticamente não bebi, mas hj em dia tomo um café com leite pela manhã e às vz 1 pela tarde. Já é algo bom, tomar menos. Mas deveria parar, tomar o suco verde (aquele, ainda), e deixar café pra qdo foi nalgum lugar com uma amiga...

Tô viajando, eu sei. Falando de Canadá, zona de conforto, desmotivação, café... (Vou lá fazer um, alguém aceita? Ainda não me recuperei de horário de verão e o Caio tb não... tem tido bailinho na madrugada). Mas, tão vendo? Essa tem sido eu ultimamente. Toda perdida. Desmotivada, sem ânimo.

Alguém me manda umas pílulas de ânimo?

Beijos da Taís.
Comentários
10 Comentários

10 comentários :

  1. Aii, se alguém te mandar umas pílulas de ânimo, pede pra me mandarem também, porque tá difícil! Eu voltei pra dieta "com tudo" semana passada, mas essa semana foi tudo por água abaixo!
    Mas não vamos nos desesperar!! Vamos voltar com tudo novamente! Vamos lembrar dos nossos objetivos e dos motivos que fizeram a gente fazer blogs. Do que a gente quer pro futuro!!
    E vamos em frente, sempre de cabeça erguida!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gica. Pode deixar q se me mandarem, te aviso! rsrsrs Esse remédio q tou tomando ainda não se mostrou como pílula de ânimo, mas vamo q vamo. Beijos.

      Excluir
  2. Menina, tamo junto!

    Isso aqui descobri ontem e comecei a ouvir sem parar. 20 minutos que me deixaram o dia inteiro refletindo sobre o que preciso mudar:

    http://www.youtube.com/watch?v=Bs85pQ7vCZE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lain, vc tem blog? Deixa o link pra nós. Obrigada pela dica do vídeo.

      Excluir
  3. Aproveitando o assunto, a quem interessar, um teste para identificar seu tipo de procrastinador:

    http://www.playbuzz.com/sidartal10/que-tipo-de-procrastinador-voc

    É baseado no livro de uma psicóloga chamada Linda Sapadin (“It’s About Time!: The Six Styles of Procrastination and How to Overcome Them”, Penguin Books, 1997).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem legal, obrigada! Meu resultado foi o perfeccionista, e acho q é isso mesmo.

      Excluir
  4. sinto-me exatamente como você e obrigada por dividir conosco seus anseios.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Janaina, bom saber q alguém se identifica comigo! Não estamos sós, vamos atrás do q queremos!

      Excluir
  5. Respostas
    1. A mana não tá achando tdo isso, não! rsrsrsrs

      Excluir

Adoramos saber o que você pensa! Compartilha com a gente!