quinta-feira, fevereiro 23, 2012

Falando mais sobre a Dieta SEM



Não falei mais de dietas por aqui, mas tenho tentado seguir a dieta SEM. Algumas pessoas comentaram aqui q ela é difícil, e q a gente tem que comer de 3 em 3 horas, e outras coisas do gênero. A verdade é q a dieta SEM é muito simples, e é justamente pq ela repete o que nossos pais faziam antes da gente nascer: 


3 refeições por dia, sem repetições, e doces somente aos finais de semana.


Depois inventaram a gordura hidrogenada, os flavorizantes e corantes, e o Mac Donald’s e as pessoas começaram a ficar gordas. Comem MUITO e colocam a culpa no Mac, se catar, viu?

Pesquisando sobre essa coisa de ter de comer de 3 em 3 horas, eu li mais de uma opinião de médicos e nutricionistas dizendo q isso faz mal: sobrecarrega o fígado e cria o hábito da pessoa ficar comendo sem parar o dia inteiro. Acho que faz tdo sentido. Sim, eu sinto fome, mas me acostumei rapidamente a evitar os lanchinhos. Então, na boa, não é tão difícil assim.


Até pq nessas de procurar o q comer de 3 em 3 horas, a maioria das pessoas não escolhe lanchinhos saudáveis, acaba comendo um chocolate, umas bolachas, um pedaço de bolo... é o que eu vejo meus colegas de trabalho fazerem. A menina magra não faz lanchinho nenhum e o menino magro come 1 maçã, todos os dias, no meio da tarde (e eu não como mais maçãs, meu desafio das maçãs durou 32 maças e foi o suficiente pra eu não querer comer maçãs pelos próximos anos). As outras pessoas que comem lanchinhos (em geral bolachas, chocolates...), eu vejo, estão acima do peso.


Vc tem q ter mta disciplina pra não matar aquela fominha do meio da tarde com um pedaço de bolo ou a porcaria mais próxima q vc consegue no bar da esquina. E a maioria das pessoas não tem mta disciplina. Então as 3 regrinhas da Dieta SEM são bem fáceis.

Eu ainda não terminei de ler o livro do Reinhard, mas tô quase no final. Uma coisa q ele diz e q faz todo sentido é q a maioria das pessoas não quer uma solução, e sim uma desculpa. E q a gente não tem q estar preocupado em chegar no tal peso ideal, mas sim já partir do princípio q a gente vai chegar lá e o principal é MANTER o peso. Demora pra gente engordar, logo demora pra gente emagrecer. Quem emagrece rápido, em geral engorda tudo que perdeu e mais um pouco logo em seguida.

Desde q a gente começou o projeto, eu resolvi emagrecer e venho emagrecendo bem devagar. A mana emagreceu 4 kg rapidinho, e rapidinho engordou tudo de novo. Tenho conseguido manter os quase 6 kg q já emagreci. Fico bem feliz qdo penso q emagreci SEIS QUILOS (uhullll!!!!) e minha meta é continuar emagrecendo, devagarinho, até os 60kg.

Um pouco de sacrifício não faz mal pra ninguém.

Outra coisa q ele fala no livro é q vc pode manter um controle da dieta num calendário, marcando em verde os dias q vc cumpre todas as regras, em amarelo os dias especiais, e em vermelho aqueles q vc falha. Em vez de anotar tudo q come, como eu, só pintar os quadradinhos do calendário já pode ser bem eficiente. Eu vou pintar o meu diário alimentar e vamos ver como tem sido.

Só q é exatamente como diz o Reinhard: se vc quer uma desculpa, procure outra dieta. Eu continuo comendo tudo q gosto, não fico contando calorias. Acho ótimo, acho fácil. Sim, eu sinto fome em alguns momentos, mas sentir fome é normal! A gente não pode agir como se uma fominha antes de jantar fosse nos matar. Ninguém tá na Somália, passando fome DE VERDADE. Mas a gente gosta bastante de reclamar e exagerar.

Vc acha q aquela gostosa da academia tá gostosa sem sacrifício? Claro q não. Ela tá lá malhando, tá comendo biscoito de arroz e dizendo q é a coisa mais deliciosa da vida. Aquele cara q tá lá ganhando milhões? Ele estudou, se preparou, trabalhou, quem sabe passou várias noites em claro, estudando, pensando como podia ganhar dinheiro. Então se vc quer resultado, vc tem q se esforçar.


Claro q eu gostaria de uma pílula mágica. Quem não gostaria? Só q, infelizmente, não existe. O q existe é vc decidir mudar as coisas q estão ao seu alcance. E emagrecer é uma coisa q tá ao seu alcance. Ou vc acha q não?

Beijos da Taís.
Comentários
7 Comentários

7 comentários :

  1. Em quanto tempo perdeste os 6 kgs?

    ResponderExcluir
  2. Esse texto veio em boa hora, não pela dica da dieta, mas pelas palavras de força e motivação. Tenho me visto cada vez mais gorda, e o problema não é estar gordinha, é engordar cada vez mais: toda vez que subo na balança tenho pelo menos um kilo a mais. Já não sei o que fazer. Talvez eu faça a dieta do sem.

    Você como de tudo?

    ResponderExcluir
  3. Ana, emagreci 6 kilos do início do 6 meses pra cá, foi num período de quase um ano.
    Aline, espia meu diário alimentar, eu como de tdo mesmo. Mas tem algumas coisas: refrigerante é coisa rara, não costumo tomar líquidos nas refeições, tdo chá q eu tomo é sem açúcar (mas eu coloco açúcar no café), raramente como porcarias como salgadinhos e bolachas.
    O legal é vc ir controlando essas coisas: refri, mac donald's, frituras...
    Beijos e boa sorte!
    Taís

    ResponderExcluir
  4. O Refrigerante eu já cortei Taís, não tomo nem em momentos especiais ou de urgências (fome louca, sede demais). E comecei a fazer caminhada, fiz poucas vezes, mas quero que vire um hábito. Vc está fazendo essa dieta tem quanto tempo? Ela parece bem menos sofrida que outras que vejo... Vou espiar seu diário.

    ResponderExcluir
  5. Legal mesmo vc ter falado sobre isso de comer de 3 em 3 horas.. todo mundo faz a gente engolir essa regra, sendo que não é todo mundo que PODE conviver com isso.

    Se você vai comer de 3 em 3 horas, tudo deve estar em porções mínimas. Não adianta ficar fazendo lanchinhos, como você disse.

    Quando eu seguia isso era um saco, porque você acostuma a sentir fome bem rápido. Se vai visitar alguém fica chato ficar comendo! Aí tem que sempre enfiar um lanche na bolsa. Cansei de levar maçã na mochila :S

    ResponderExcluir
  6. Cada um segue a dieta que gosta mais e q se adapta melhor. Não sigo regra de comer de 3 em 3 horas assim como não sigo essa da Dieta Sem.

    Acho q se toma café da manhã mto cedo e almoça tarde pode haver um lache com uma fruta sim, e à tarde tb. Não vejo mal nenhumq uma fruta possa sobrecarregar o fígado. O problema é q nem vc falou, as pessoas lancham porcaria, aqui no trabalho é assim, ainda mais q temos uma lojinha das americanas aqui dentro q tem de tudo. Tudo pago mas quem disse q isso impede as pessoas? xP

    Faça o q te faz bem e ponto! ;)

    ResponderExcluir
  7. Gatz, passando pra matar saudade do blog, mas principalmente de vocês.

    Dei uma sumidinha básica do meu blog pra colocar algumas coisas em ordem na minha vida, inclusive desativei twitter & face.. Perdia tanto tempo nas redes sociais que estava deixando o que realmente importava de lado. Mas agora que consegui colocar a vida de volta nos trilhos, volto a acompanhá-las.

    Quanto a questão de dieta, concordo que a melhor opção é aquela que te faz bem e está dentro da sua realidade.

    Eu não compro arroz integral porque o pacote de 1kg custa quase o preço do pacote de 5kg. O óleo de milho é muito mais caro do que o de soja, mas o benefício é praticamente o mesmo. Acontece que as dietas brasileiras são baseadas nas americanas... e lá o milho é mais barato, aqui é a soja. Simples. Quanto ao resto, legumes e hortaliças fazem toda diferença na alimentação e não pesam tanto no orçamento. E quem trabalho o dia todo, não tem condições de comer 6 vezes ao dia ou de 3 em 3 horas. O importante é ter bom senso.

    Beijos e até mais o/

    ResponderExcluir

Adoramos saber o que você pensa! Compartilha com a gente!